Depoimentos

“Deivison Cavalcante é o CEO da Verde Ghaia, uma das maiores empresas da América do Sul em gestão de meio ambiente, saude e segurança e processos em geral. Sua equipe de alto nível tem capacitado centenas de empresas na implementação de sistemas de gestão e sua pós venda inclui agil sistemas de acompanhamento da legislação correlata aplicável a cada tipo de empreendimento.
Também é o CEO do Instituto Oksigeno, responsável por inúmeras atividades vinculadas a boas práticas de sustentabilidade, inclusive a carboneutralização. Ele vem ao longo dos anos prestando diversos serviços para a Cemig, sempre com boa avaliação”.

 

- Enio Fonseca – Superintendente de Gestão Ambiental da Geração e Transmissão da Cemig


“O Deivison é um grande profissional, com muita experiência em sua área de atuação. É visionário e todos os dias surpreende à todos com seu empreendorismo, além de ser uma ótima pessoa.”

- João Paulo Mota – Coordenador de Publicidade da Câmara Municipal de Belo Horizonte


“Deivison, realmente é um dos poucos visionários que conheci e tive a oportunidade de trabalhar em minha vida, muito focado, exerce sua liderança de forma participativa e de maneira muito correta em suas atitudes, sempre pensando em melhorar os resultados tanto de sua empresa quanto de seus clientes.”

- Vilson Carvalho- Consultor de Sistema de Gestão


“Deivison é extremamente detalhista e exigente, mesmo que o serviço esteja em cima da hora. Tem a criatividade acima do normal e é um grande visionário.” 11 de junho de 2012

- Keziah Pollyanna -Professora de Língua Inglesa, Portuguesa e Produção de Textos, Colégios e Pré vestibulares de Belo Horizonte


 ”Acabei de ver meu amigo, e me senti mais uma vez renovado. Apesar da minha idade de 27 anos, acredito já ter experiencias de vida as quais me tornaram fortes o suficiente para poder enxergar o mundo desta mesma maneira que vc coloca em suas mensagens, busco hj com minha arte, tentar de alguma forma passar um ponto de vista individual mas com o objetivo de faze-lo coletivo, sonho em mudar o mundo talves, afinal, as mudanças mais significativas deste mundo, vem atraves de um olhar visionário, em um primeiro momento este olhar pode assustar, mas assusta justamente por ser o novo. Quando fazemos as coisas que amamos para nós mesmos, atingimos o próximo com mais facilidade, sempre com muita humildade e deixando o ego para trás. Com minha arte, mostro quem sou, não me importo com oq os demais dizem, pois sempre vai haver aqueles que concordam e discordam de situações, nossa vida é feita de equilibrio e balanço afinal, apenas atraves de conflitos (produtivos) que a vida caminha e se transforma, o ser humano e a arte devem ser mutaveis e flexiveis, a arte é viva e afetiva, não é como o entretenimento, que é feito apenas para agradar ou mostrar um padrão estético. A arte muitas vezes machuca, por ser verdadeira. Deivison, qualquer coisa que eu puder fazer para lhe ajudar a espandir esta sua luz, me deixe saber, acredito que dentro de mais algum tempo poderemos cruzar nossos caminhos e abraçar o mundo. Muita luz pra vc, sucesso!”

- Luiz Barotto



“Caro Deivison, bom dia.
Recebi o prêmio que me concede, com o afeto que sempre dediquei ao amigo, desde os primeiros momentos de nosso aprendizado, agora, com sabor de mais uma vitória. Colho no caminhar de esperança que semeio a cada dia, antes de avançar meu humilde passo de um idealista inveterado, o fruto repartido entre aprendizes, você e eu, no afã do saber. Por óbvio, há no gesto, muito além de uma formalidade, pois se cravam nele imagens de berço, que se ressaltam na primeira infância , o veio tratando do sentimento da gratidão. Semente como a minha, deixada por seus pais educadores. Também, eu devo agradecimento. No mundo de incertezas, habitual e não passageiro, como deve ser , é assim, nestes momentos de exposição do caráter, na simplicidade do ato, em que se realça primeiro, o sentido no qual o homem se desnuda e revela acima da competência, o íntimo desejo de registrar a indestrutível amizade, por reconhecimento de esforço comum, despendido no dia a dia , quando ambos buscam vencer. O professor é um misto de aluno. Precisa dele, como o ar que respira, e sabe que, na medida desse esforço paralelo, ombro a ombro, a civilização avança. Eis o maior sentido da maestria. Transferindo, ainda assim, nos enriquecemos. É preciso acreditar. Ver um mundo melhor, em cada cabeça dos discípulos que entendem o robusto tino do aprendizado, em via de melhora da qualidade humana. Orgulho-me da fortaleza e do brilho que hoje alcança, mercê de esforço próprio, apenas coadjuvado por dever de ofício por este seu aliado, uma ajuda doada de coração, do professor que hoje se encanta com suas luzes, mais uma vez, para somar mais brilho à festa consagrada pela sua diplomação superior. Trata-se de mérito por justiça, por razão e por direito. Parabéns! Votos de progresso na carreira, com pedido de que nunca se afaste dos princípios e fundamentos que o levaram a optar pela carreira do Direito. Não se desprenda jamais, da humildade. Afaste-se do lugar comum da mediocridade, esconjurando a maldade e nunca se intimide diante da lei injusta, da volubilidade dos adversos, da fragilidade das pessoas, mesmo nos pequenos momentos, de aparência simplória. É aí, onde vive o perigo, na desídia e na soberba. A grande razão de seu árduo trabalho escolar é fazer do Direito e da Ética, antídotos contra a injustiça, recordando sempre das iniciais palavras que mostrei a vocês, na primeira hora, sob o signo do Justo, estampado no quadro de aula. Persiga , sem tréguas a felicidade. O valor maior da vida. Parabéns aos filhos, aos colegas de sala e outros mestres, tantos mais que o audiram e torceram por você, que hoje devem estar felizes, como eu , por este recomeço que o desafia, novamente, degraus acima. Desejando a você ímpeto e seriedade, é como agradeço seu imensurável carinho e lembrança. Do, Walter”.

 

- Walter Santos Jr.


“Espetacular. É engraçado que eu estava me questionando eu me dizia: Meu Deus quantos sonhos eu ja tive, eu queria ser jogador de football, cheguei na minha adolescência até jogar em alguns times, mas por alguma coisa, talvez meu pai que não gostava muito da ideia, como goleiro, quebrei o braço, quando em jogo também acabei tendo uma lesão no tornozelo, o tepo passou e percebi só depois que tinha parado, e hoje o que posso ser me perguntei, começar do 0 fazer outras coisas, tantas mudanças.”

 

- Tiago Souza.


“Esse vídeo apareceu como uma chave em minha vida! É engraçado que eu estava me questionando SOBRE A VIDA. Será q sonhei demais? Ou não sou capaz de fazer minhas vontades. Será q eu era FELIZ e não sabia? O tempo esta passando e o meu maior sonho ainda não realizei, estou deixando para trás as minhas vontades.”

 

- Carla Cristina Vieira dos Santos


“Olá Deivison,
Assisti a um vídeo seu. Pude desfrutar um pouco da sua luta para um mundo melhor. Obrigado pelas palavras que nos faz refletir, como podemos ser pessoas melhores. E da importancia de sermos OFFs. Parabéns pelos trabalhos.Sucesso em sua carreira.”

 

- Henrique Vilela


“Deivison,

No último sábado 26/10, a minha esposa me encaminhou um dos seus vídeos (ON ou OFF) e fui tocado pela bela mensagem. Fui até o seu site e me surpreendi pela sua história, seu trabalho e seus outros vídeos. Espero que sua mensagem alcance e toque mais e mais pessoas.  É disso que esse mundo precisa.Parabéns pelo seu trabalho e um grande abraço.”

 

- Lourival Lima


www.site-web www.site-web read more